Crítica: 50 Tons de Cinza - Adolescência Alternativa

Crítica: 50 Tons de Cinza


Hey, tudo bem? Vim falar hoje de 50 tons de cinza, eu como uma boa leitora, antes de dizer qualquer coisa, eu li a trilogia toda, por isso tenho uma boa critica sobre, e como tenho visto muitos falarem mal com o lançamento do filme, vim falar um pouquinho,  espero que gostem!

 Bom, poucos devem saber, mas 50 Tons de Cinza é originalmente uma fanfic de Crepúsculo,  e assim como Crepúsculo,  a personagem principal é um pouco "lerda", uma mulher de 20 e tantos anos que nunca teve um computador na vida, é virgem e mal ajustada.
 50 Tons de Cinza, é um livro com uma escrita estranha, sendo originalmente uma fanfic da pra entender, a autora tentou colocar bastantes palavras difíceis, mas não atrapalha muito a leitura.
  Ao contrário do que muitos pensam (geralmente quem não leu), não é só sexo, tem toda uma história por trás, e o fato de se tratar de uma mulher desajeitada  que é desejada por um homem dos sonhos: rico, bonito, educado.. faz com que o livro seja direcionado para mulheres, oque leva muitos homens a odiarem de morte o livro, que basicamente é um conto erótico mais elaborado. 
 É uma leitura boa para passar o tempo, te prende ao livro, mas ela é muito, perdão pela palavra, BROXANTE, você espera muito mais do livro, principalmente do conteúdo,  fala bastante de preliminares,  mas quando chega na hora H, é meia página e já acabou.


Quem quiser ler online, deixo aqui o link, e se você já leu e tem sua crítica formada ou não concordou com algo que eu disse, fique a vontade e se expresse nos comentários